Fale conosco pelo WhatsAppEntre em contato

Tela cirúrgica para hérnia abdominal: quais os benefícios?

Tela cirúrgica para hérnia e tesouras.

Dispositivo é eficaz para reforçar a musculatura da região operada e evitar a recidiva da hérnia

A cirurgia para a correção dos diversos tipos de hérnia abdominal é o único tratamento capaz de solucionar o problema de forma definitiva. O procedimento consiste em reposicionar a porção do órgão ou tecido extravasado ao seu lugar original e fechar o orifício herniário com suturas.

Até pouco tempo atrás, o fechamento não envolvia a colocação de uma tela cirúrgica para hérnia, um dispositivo que serve para reforçar a musculatura da região e diminuir o risco de recidiva da hérnia. A utilização desse método é considerada o padrão ouro da cirurgia de alguns tipos de hérnia abdominal, pois reduz as taxas de recidiva

Conheça mais sobre os benefícios da tela cirúrgica para hérnia no artigo a seguir.

Quero saber sobre o tratamento de hérnias!

O que é uma tela cirúrgica para hérnia?

A tela é um implante cirúrgico utilizado no tratamento das hérnias abdominais. O objetivo é reforçar a musculatura da região e evitar novos casos de hérnia. O dispositivo pode ser confeccionado por diferentes materiais, porém os polímeros biocompatíveis específicos para serem utilizados em procedimentos do tipo são os mais comuns.

Esse tipo de tela cirúrgica para hérnia é inabsorvível e fica no organismo do paciente de forma permanente, não causando nenhuma reação adversa grave ou danos aos tecidos adjacentes.

Existem também outros tipos de telas cirúrgicas para hérnia que são parcialmente ou totalmente absorvíveis, desaparecendo por completo após alguns meses. Esse modelo sintético reforça temporariamente a região operada até que a deposição de colágeno pelo organismo complete naturalmente a cicatrização. Apesar de algumas vantagens, as telas 100% absorvíveis são utilizadas apenas em casos específicos.

Como as telas cirúrgicas ajudam no reparo da hérnia?

O fechamento do orifício herniário somente com sutura do tecido muscular pode apresentar uma tensão que prejudica o processo de cicatrização, principalmente em hérnias grandes. Como consequência, pode haver rompimento e novos casos de hérnia da parede abdominal.

A colocação da tela cirúrgica ajuda no reparo da hérnia porque permite um fechamento com reforço, mantendo a integridade da região operada e reduzindo drasticamente as taxas de recidiva.

Importância da escolha correta da tela cirúrgica

Como falamos, as telas cirúrgicas para hérnia podem ser confeccionadas por diferentes materiais e possuem várias gramaturas. A escolha do modelo mais adequado varia de acordo com as características do paciente e da hérnia, por isso é fundamental contar com um especialista no tratamento dessa patologia para a correta condução do caso.

A tela de polipropileno macroporosa e de média/alta gramatura é a mais amplamente utilizada por sua segurança e eficiência em relação ao fortalecimento da área operada.

Fatores a serem considerados na escolha da tela cirúrgica

Um médico especialista no tratamento de hérnia avalia diversos fatores para escolher a tela cirúrgica mais adequada ao caso. Hérnias menores podem dispensar a necessidade de colocação da tela cirúrgica para hérnia, já que a sutura pode ser realizada sem tensão.

De modo resumido, os critérios considerados para a escolha do dispositivo são:

  • Tamanho e tipo da hérnia;
  • Compatibilidade com o paciente (alergias e condições pré-existentes);
  • Qualidade da parede abdominal;
  • Riscos de infecção;
  • Custos e disponibilidade do material;
  • Se a hérnia é recidivada ou não.

Benefícios da tela cirúrgica para hérnia

A principal função da tela cirúrgica para hérnia é fornecer sustentação e resistência ao tecido muscular para que não apareça um novo orifício herniário futuramente. Desse modo, seus principais benefícios são:

  • Redução drástica das taxas de recidiva de hérnia, algumas vezes para menos de 1% a 2% dos casos (hérnias inguinais);
  • Permite o fechamento da hérnia com menos tensão nos tecidos;
  • É segura e raramente causa rejeição ou complicações;
  • Não precisa ser retirada — o paciente com tela cirúrgica para hérnia leva uma vida normal;
  • Não causa problemas em caso de necessidade de nova cirurgia no mesmo local.

As telas cirúrgicas são absorvidas pelo organismo?

A resposta para essa questão depende do material utilizado para confeccionar o dispositivo. Existem telas que são 100% absorvíveis, mas as mais utilizadas nos procedimentos cirúrgicos são feitas de polímeros sintéticos que não são absorvidos pelo organismo, pois se mantêm na parede abdominal para evitar a recidiva da hérnia.

Para saber mais informações e detalhes sobre a cirurgia de hérnia, entre em contato e agende uma consulta com a Hernia Clinic.

 

Fontes:

Hernia Clinic

Sociedade Brasileira de Hérnia e Parede Abdominal